Uma movimentação chama a atenção em Conceição da Barra: nos últimos dois meses tem sido grande o número de mulheres que são encaminhadas ao Hospital Maternidade Nossa Senhora da Conceição para fazer cirurgia de laqueadura de trompas, o que não acontecia há mais de dez anos.

Além das cirurgias para evitar que as mulheres engravidem, também está sendo oferecido cirurgia de vasectomia para homens; e também de hérnia. O procedimento poderia ser uma rotina, mas, levando-se em conta que estamos em um ano eleitoral, o comentário na cidade é de que a atual administração estaria usando essas cirurgias para captar votos.

Esses procedimentos estão sendo feitos desde julho obedecendo os padrões normais de segurança, segundo revelou o diretor do hospital Alfredo Brito Filho. Nesse período, segundo ele, cerca de 80 cirurgias em mulheres e homens foram realizadas, todas dentro dos padrões para garantir a sua eficácia.

Disse ainda que a atual gestão do prefeito Mateusinho depois que reativou o atendimento para permitir as cirurgias, foram obedecidos todos os protocolos da Secretaria de Estado da Saúde, do Ministério Público Estadual e do Ministério da Saúde.

Quanto à denúncia de que o hospital, com as cirurgias, estaria à serviço da candidatura de Mateusinho nas eleições de 15 de novembro para se manter no cargo de Prefeito de Conceição da Barra, Dr. Alfredo não entende por este lado: “Acaba tendo conotação política sim! Todo atendimento que envolve a coisa pública tem conotação política”, resumiu, confirmando que esses procedimentos começaram a partir do dia 1º de julho.

Da Redação, com informações de Hilmar de Jesus / A Ilha



Deixe seu Comentário